O Chef que em 10 meses alimentou mais de 10.000 pessoas com comida “recuperada”

O desperdício alimentar é cada vez mais um problema visível para o qual várias entidades, organizações, cidadãos tentam encontrar medidas para o reduzir. O projeto The Real Junk Food é um deles.

Tudo começou na Austrália, onde o chef Adam Smith tomou consciência da quantidade de alimentos que são desperdiçados diariamente por quintas, supermercados, mercearias… No regresso a Inglaterra resolve atuar sobre esta problemática e cria uma Cafetaria que recupera alimentos descartados por outros e os confecciona no local. Os clientes pagam o que desejam, conforme “se sentem”.

O projeto tem sido tão bem acolhido que hoje é um movimento cada vez mais enraizado no Reino Unido e no Mundo.

Artigo completo, aqui.

Anúncios